domingo, 13 de julho de 2008

Estação Primeira da Figueira

A Estação Primeira da Figueira foi fundada em 7 de julho de 1983, para ser a representante do Morro Santana no carnaval. Seu símbolo era a árvore que lhe deu o nome e suas cores o verde e o branco. A escola apresentou temas irreverentes ao longo de sua trajetória. Nesse período participou em 1991, 1992, 1996, 1997, 1998 e 1999 do grupo especial do carnaval de Porto Alegre. A escola fez seu último desfile em 2001 quando foi rebaixada para o grupo de acesso, esse fato levou ao licenciamento como em 1993, porém dessa vez não ocorreu o retorno aos desfiles.

Enredos
*1990: "Vô bota" pimenta nisso
*1991: A história sem fim"
*1992: Diet Figueira
*1993: Licenciada
*1994: Irá Dudu, a volta do guerreiro
*1995: E a festa continua - Palmas para Irá Dudu
*1996: É domingo, é sal, é praia, é farofa-fa-fa.
*1997: O que é que o Figo e a Figueira tem?
*1998: Bom Fim - Final Feliz!
*1999: Avenida Farrapos, do trabalho ao devaneio, do fazer ao prazer e sua transmutação.
*2000: Figueira canta e encanta sua trajetória: Já fui estrela, já comi poeira, mas com no carnaval serei sempre guerreira.
*2001: Sonho Brasil em noite de carnaval.

Os fatos e dificuldades que levaram ao licenciamento dessa grande entidade são muito menos significativos que os seus belos desfiles deram como contribuição ao carnaval de Porto Alegre.

7 comentários:

Anônimo disse...

Fui um dos integrantes, trabalhadores, destaque, coordenador de ala dessa escola que tanto me emocionou. Fiz parte de sua trajetória, da metade ao seu fim. Sinto saudades, pois ainda honro este pavilhão verde a branco. (car-valhus@hotmail.com)

cecilio oxley disse...

morando longe agora não tenho mais como ir a Porto alegre, mas fico triste de ver a escola de meus amigos Batista, Fogareiro, josi, jair,e outros tantos esta fora de combate, eu era integrante do time da academia e colega do pessoal,abraço a todos Cecilio Oxley

Anônimo disse...

Ainda hoje sinto saudade e canto os sambas da escola. Tenho enorme orgulho de ter escrito dois dos seus enredos e ter dado a ideia para o Álvaro para outros dois. Gostaria de um dia voltar a desfilar com a Figueira e ter a chance de reeditar Bom Fim, Final Feliz! exatamente como havia planejado.
André Machado - andre2mm@hotmail.com

Elton disse...

O QUE O FIGO E FIGUEIRA TEM (1997)
(Chico santiago e nenê do cavaco)

Eu vou eu vou
eu vou mostrar
Nessa história facinante
O q o figo e a figueira tem pra dar

As mão do Criador
Semeou a terra
E a semente germinou
A arvore creceu gerou seu fruto
Foi na Arábia onde tudo começou

A figueira é tão sagrada
Que as folhas cobrirão a tentação
O jardim do Buda iluminado
Tem sua fé sua crença e religião

-Figueira ea ea
-Figueira eo eo
-Vem tão linda vem tão bela
-Joga o figo pra galera
-Que a guerreira chego
-Eu falei Figueira ea

Essa é Figueira do Pagode
É sagrada como pode
Fazer a cura medicinal
No morro nasceu
Uma outra figueira

Que a comunidade adoto
Seu fruto é o samba
Gosto de ouvir
Faz a galera lá do morro sacudir


SAUDADES ETERNA ! ! !

LUIZ DE BRASÍLIA disse...

ESSE CARNAVAL DE 1997 DA FIGUEIRA É MUITO LOUCO, DE ARREPIAR QUE SAUDADES DA "FIGUEIRA"... SHOW DE BOLA

Anônimo disse...

como é bom recordar, fomos integrantes desta grande e imemoravél escola de samba desde 1989,meu saudoso pai falecido em maio de 2011 luiz fernando cortes foi ritmista,desta maravilhosa bateria abraços de coração a todos os componentes podem terem certeza que a figueira estará sem pre em nossos corações,famila farias alves.

tati disse...

fomos integrantes dessa maravilhosa escola de samba, meu saudoso pai luiz fernando cortes falecido em maio de 2011,foi ritmista desta bateria a todos os integrantes desta escola um grande abraço e podem ter certeza a figueira,estará sempre em nossos corações familia farias alves.