domingo, 22 de fevereiro de 2015

Avaliação de 2015

Uma avaliação dividida em pontos positivos, negativos e neutros.

Pontos positivos

O título da Imperadores do Samba, a escola fez o melhor desfile na minha opinião; então nada mais justo que ser premiada por esta razão. Embaixadores do Ritmo e Bambas poderiam ter sido campeãs, sim; mas não vejo que nenhuma das duas tenha feito mais que a campeã.

O público no Porto Seco que apesar das instalações precárias e vergonhosas apoia todas as escolas.

As vitórias de Unidos do Capão, Unidos da Vila Mapa e de Os Comanches nos grupos de acesso e tribos por quem viu os desfiles não contestou o resultado, então não tem o que falar.

Pontos negativos

As precárias e péssimas instalações do Porto Seco, não interessa o que quem monta aquele negócio ache sobre o tema, são vergonhosas. Aqui um recado para os carnavalescos em geral, ano que vem tem eleição municipal não caiam na conversa fiada dos "defensores do carnaval" que apareceram em suas comunidades pedindo votos, pois isto é o mais próximo que chegaram da comunidade carnavalesca.

Os discursos patéticos feitos por alguns dirigentes sobre a evolução do carnaval.

As acusações de venalidade feitas pelo presidente da Praiana. Se tem provas apresente. O curioso que o discurso é muito similar ao do ano passado feito por ele que serviu para junto com aqueles que acusa agora  para destruir a AECPARS. Será que teremos outra entidade para administrar os grupos de acesso e tribos em 2016?

A vergonhosa e precária distribuição dos CDs feita pelo Grupo RBS.

A ausência da tribo Os Comanches (tribo campeã do ano anterior) no CD, uma tradição jogada no lixo.

O segredo a que o Grupo RBS com apoio incondicional da LIESPA relegou o carnaval de Porto Alegre escondendo o desfile na TV Secreta (TV COM), cobertura secreta que terminou com "chave de ouro" ao não ser transmitida a apuração.

O presidente da LIESPA, que achou tudo maravilhoso antes, durante e depois do evento.

A cobrança de profissionais do carnaval feita nos microfones sobre promessas não cumpridas por dirigentes de escolas.

Comissão de frente continuar a não ser quesito, Porto Alegre tem esta originalidade e a matém com todo esforço.

Neutro

O modelo de carnaval da Embaixadores do Ritmo, se não tem nada que proíba então reclamações sobre o tema não tem fundamento.

Barrigada do ano

O "empate" de títulos que o Grupo RBS divulgou entre Bambas da Orgia e Imperadores do Samba. Seria cômico se isto não demonstrasse o descaso com a história do carnaval de Porto Alegre. A contagem correta tem em primeiro Bambas da Orgia com 20 títulos no grupo especial e Imperadores do Samba com 18. Além disto Bambas tem um título do antigo Intermediário - A  (2001) e Imperadores dois do antigo Grupo II (1964 e 1965), o que em caso de soma faz com que Bambas tenha 21 e Imperadores 20. Tem a lista de campeãs no topo do blog, basta contar. Será que cometeriam este "erro" em relação ao carnaval carioca.





Nenhum comentário: